20 de abril de 2013

Fim de Temporada: Melhores Animes Inverno 2013

Elaborei uma lista com os 10 melhores animes na minha opinião, ou seja, os animes que eu mais gostei. Então se você discordar é normal, sugiro que comente seu top 10 e lembre-se que só entram na lista os animes que terminaram na temporada de Inverno 2013.




Em março de 2013 muitas séries chegaram ao fim. Cerca de 64 animes terminaram e a lista deles pode ser conferida aqui. Desses 64 eu assisti pelo menos 1/4 e fiquei com apenas um anime para assistir depois dessa avalanche de despedidas. De qualquer forma a temporada foi produtiva, apesar de não ter nenhum título do tipo inesquecível, foi um bom entretenimento.

Para mais informações sobre as obras citadas aqui, acesse os links: Espceial temporada de Inverno 2012 e temporada de verão 2012.

10°
 Kingdom

Nota: 6/10 
Estúdio: Studio Pierrot
Episódios: 38
Gênero: Ação, Histórico
Achei o enredo atrativo e por isso consegui assistir a série até o fim. Os personagens são medianos, porém a trama é interessante e consegue prender atenção na maioria dos episódios. O grande defeito da série fica por conta da fraca animação, principalmente pela computação gráfica fraca. Os primeiros episódios são um show de horror, mas com o tempo acabei acostumando e curti a história.

 
 Kotoura-san

Nota: 6/10 
Estúdio: AIC
Episódios: 12
Gênero: Drama, Comédia, Romance
Começou empolgante de tão cruel, mas depois ficou morno e se tornou apenas mais um anime colegial. É um bom anime, porém eu esperava mais do enredo, já que o primeiro episódio teve uma força dramática de alta qualidade. De qualquer forma me fez rir umas 3 vezes e gostei dos personagens. Vale a pena para quem é fã de animes escolares.

 8°


Boku no Imouto wa Osaka Okan
Nota: 6/10 
Estúdio: Toho Company, Charaction
Episódios: 12
Gênero: Comédia
Altas gargalhadas me foram proporcionadas por esse “mini anime”. Com apenas 3 minutos por episódio, a Mamãe de Osaka conseguiu ser simpática, original e divertida 100% do tempo em que esteve presente. A animação em flash ajudou a criar o clima descontraído e descompromissado da série. As piadas são em sua grande maioria engraçadas e divertidas. Confesso que após assistir esse anime fiquei com vontade de conhecer Osaka. “É assim mesmo pá!”

 
 Sakurasou no Pet na Kanojo
Nota: 6/10 
Estúdio: J.C.Staff
Episódios: 24
Gênero: Comédia, Drama, Romance
Outro anime escolar com romance, comédia e momentos dramáticos como de praxe. A diferença entre um bom anime escolar e um ruim, é basicamente os personagens. Os personagens de Sakurasou no Pet na Kanojo são medianos e isso fez com que a série também se tornasse mediana. O ponto forte do animes fica por conta do excelente trabalho gráfico do estúdio J.C.Staff.

 
 Bakuman 3
Nota: 6/10 
Estúdio: J.C.Staff
Episódios: 25
Gênero: Comédia, Drama, Romance
Eis que finalmente a dupla de mangakas mais famosa dos mangas termina sua trajetória de sofrimento. Foram 3 temporadas de 25 episódios cada uma ao longo de 3 anos. Haja nanquim e criatividade para criar tantos capítulos de mangás. Essa temporada foi um pouco inferior as outras duas, porém acertou no ritmo dos episódios finais. Certamente quem assistiu as 2 primeiras temporadas deve ter assistido essa, então não há muito o que falar, mas se você não conhece a série e gosta do mundo de animes e mangás, eu indico fortemente que assista todas as temporadas. Eu particularmente prefiro a primeira, mas não tiro o mérito da série.

 5°

Maoyuu Maou Yuusha
Nota: 6/10 
Estúdio: Arms
Episódios: 12
Gênero: Aventura, Fantasia, Drama, Romance
Maoyuu Maou Yuusha pode ser resumido em bons diálogos, ação esporádica, romance ingênuo, peitos balançantes, enredo interessante, personagens bem construídos e narração confusa.  Eu não gostei do episódio inicial, mas a partir do segundo episódio me interessei pelos diálogos referentes a guerras e economia. O romance ficou estranho e deslocado na série. Se foco ficasse em torno das estratégias e planejamentos econômicos como em Spice and Wolf, certamente Maou teria sido melhor aproveitado.

 4°
 
JoJo's Bizarre Adventure


Nota: 7/10 
Estúdio: David Production
Episódios: 26
Gênero: Aventura, Ação, Supernatural
Divertido e em certos momentos empolgante. Personagens épicos e lutas brutais jamais vistas em animes. Jojo é uma potente dose de testosterona para qualquer um que assista. O velho estilo dos anos 80 se faz presente com muita ação, não dá tempo nem de respirar entre os acontecimentos, uma vez que os personagens não pensam duas vezes antes de agir. Indecisão é uma palavra que não combina com Jojo. Indico para quem gosta de shounen e ação. A trilha sonora também é de primeira qualidade. Que venha a próxima temporada de Jojo!
 


Shinsekai Yori
 Nota: 8/10 
Estúdio: A-1 Pictures
Episódios: 25
Gênero: Terror, Drama, Sci-Fi, Supernatural

A medalha de bronze vai para Squealer, ou melhor, Shinsekai Yori com seu enredo bem amarrado e suas questões bem elaboradas onde o certo e o errado são relativos e as perguntas não possuem respostas exatas. Uma série que te faz pensar levantando questões complicadas sobre a humanidade e principalmente sobre a relação entre os seres existentes no planeta.

O ritmo é bem cadenciado e um pouco lento em certos episódios, pois existem diálogos longos, porém de suma importância para o entendimento final da obra. O clima da série me agradou. Os episódios finais foram ótimos. O único ponto que não gostei foi o 2° arco, não que seja ruim, mas o ritmo foi maçante de acompanhar já que ficou muito tempo sem ter uma única ação.

No total a série é ótima e eu certamente teria gostado ainda mais se não tivesse descoberto a verdadeira intenção de certos personagens logo nos episódios iniciais da série. Isso foi um pouco frustrante, pois no fim aconteceu exatamente o que eu achava que aconteceria.


Shirokuma café
Nota: 8/10 
Estúdio: Studio Pierrot
Episódios: 50
Gênero: Comédia, Slice of Life

Ahhhhhhhhh...que pena :( Acabou o animes mais simpático dos últimos anos. Depois de Aria o único anime que me fez relaxar e esquecer do mundo foi Shirokuma café. Série genial, um dos melhores animes infantis que já assisti. As piadas são bem construídas e a personalidade de cada um dos animais dá um banho em muito anime cabeça que tem por ai. É simplesmente um show de construção e desenvolvimento de personagens. A atuação do Shirokuma é digna de Oscar! 

A dublagem é incrível ao ponto de você pensar que se os animais falassem, a voz deles seria exatamente como as vozes de Shirokuma Café. A trilha sonora é outro ponto forte no anime. São ao todo 3 aberturas e 9 encerramentos. Todas as músicas são ótimas, inclusive as instrumentais que tocam durante o anime. É por essas e outras que o urso polar mais trolador da face da terra leva a medalhe de prata juntamente com sua turma de animais hilária.
Obs: Em breve devo escrever uma resenha sobre a série.




Psycho Pass
Nota: 8/10
Estúdio: Production I.G
Episódios: 22
Gênero: Ação, Sci-Fi, Policial

E o ouro vai para o anime mais charmoso do ano... Psycho Pass!

A Production I.G fez um ótimo trabalho nessa série que possui um belo enredo e personagens com sangue nas veias. A ambientação futurística é uma das que mais me agradaram juntamente com Uchuu Kyoudai. Shinya Kougami é o cara do anime, ele possui algumas semelhanças com o mito Spike Spiegel de Cowboy Bebop, porém Kougami possui personalidade própria e com o decorrer da série as semelhanças ficam em segundo plano.
O que mais me chamou atenção em Psycho Pass foi o modo como às coisas acontecem. Tudo é bem construído e vai fazendo sentido no decorrer dos episódios. A primeira metade da série, apesar da boa qualidade, não chega a empolgar ao ponto de se tornar um anime inesquecível, mas na segunda parte as coisas mudam para melhor! O que já era bom fica ainda melhor e com mais consistência. O ritmo beira o alucinante até o episódio final, que alias, é um final muito digno. A trilha sonora é envolvente com destaque para a segunda abertura e para o primeiro encerramento.

Se voe gosta de animes com personagens maduros e que possuem cérebro e alma, não deixe de assistir Psycho Pass.
  

Até a próxima temporada!

Comente com o Facebook:

5 comentários:

  1. Não vi quase nenhum anime da lista, então só posso comentar sobre Boku wa Imouto.

    No começo pensei que seria chato, mas foi legal o anime reproduzindo os maiores e mais conhecidos estereotipos do pessoal de Osaka. O melhor é que quem já foi lá realmente diz que é assim. Qualquer dia preciso verificar com meus próprios olhos para comprovar xD

    No mais, daria nota 7 pra ele, mas nada que mude muita coisa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boku wa Imouto foi uma boa surpresa. É um excelente exemplo de anime curto que soube utilizar o formato de 3 minutos de maneira eficiente.

      Excluir
  2. é serio q shinsekai yori ganhou essa nota na animação?
    animação foi nojenta

    e concordo com a posição do psycho pass.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que é questão de estilo. Noein tem uma no mesmo estilo de Shinsekai, mas muito inferior a animação (também pela época do anime). Mas bem, normalmente uma paleta de cores boas me enganam bastante, então nem dá pra comentar muito sobre animação.

      Senti falta de Zetsuen no Tempest ^^ , mas como disse, é pessoal.

      Psycho-Pass na primeira com certeza. Putz, acho que só eu curti Sasami-san :~, mas tbm nem assisti 10 animes dessa temporada hehe, da lista ae só tive experiencia com 4: Shinsekai Yori provavelmente não terminarei, Kotoura-san to no começo ainda, Psycho-Pass já comentei e Sakurasou no Pet no Kanojo um ótimo anime.

      Excluir
    2. A animação é um estilo diferente. Eu não achei ruim, na verdade até me agradou bastante. O character design dos personagens foi que deixou a desejar.

      Excluir

Copyright © 2013 Animecote , Todos os direitos reservados.
Design por Alan Amorim