26 de junho de 2016

Comentários semanais: Re:Zero kara Hajimeru Isekai Seikatsu #13




Por Tadashi Katsuren (Gabriel Katsu)

No texto desta semana resumindo e analisando o episódio 13 de Re:Zero kara Hajimeru Isekai Seikatsu, eu vou acabar tendo de sintetizar um pouco mais meus pensamentos, dada a necessidade de me focar em certos compromissos. Mesmo assim os comentários continuarão expressando tudo o que sinto pelos episódios apresentados:


Neste episódio, nós finalmente temos a consolidação de Felt aceitando ser uma candidata ao trono, vendo-se obrigada a isso para que Rom (que entrou no castelo clandestinamente tentando salvá-la) não fosse morto por grave crime. Ao mesmo tempo, cada uma das candidatas elege para si um cavaleiro protetor responsável por seus cuidados. Barielle e seu cavaleiro, Al; Crusch e seu cavaleiro, Felix; Anastasia e seu cavaleiro, Julius; e Emilia se mostra atendendo ao chamado com Roswaal como acompanhante, enquanto Felt atende à convocação com seu cavaleiro, Reinhard.

Dentre tantos problemas, e guiado pelas próprias emoções frustradas, Subaru provoca toda a sala e os cavaleiros, auto proclamando-se o melhor cavaleiro de Emilia, como subordinado de Roswaal. A situação acaba se complicando para si próprio quando seus atos afetam negativamente quase todos à sua volta e tudo coloca-se contra ele, a ponto de ser levado para fora da sala e de ser recusado por Emilia - e estes mesmos sentimentos frustrados fazem-no aceitar o desafio de Julius, que ainda sentia-se completamente ofendido pelo comportamento dele dentro da sala da convocação. Em uma arena para um duelo com espadas de madeira, Subaru é completamente humilhado e perde a consciência, apenas para encontrar-se numa cama, onde discute com Emilia a um ponto em que a garota parece não querer mais possuir relação alguma com ele. O episódio, assim termina.



- Na realidade, o episódio ainda não tem muito o que apresentar do enredo da convocação.; entretanto, nós conseguimos ver mais um passo sendo dado para a construção da evolução do personagem Subaru. O fato dele conseguir, até então, mesmo que através de suas mortes ou através de uma sorte idiota ou coincidência ainda mais, realizar quase tudo que queria do jeito que queria me frustrava um pouco. Eu sentia que Subaru precisava muito de uma parada em seu crescimento, já que quase todas as vezes em que ele sentia-se desmotivado ou numa queda de ação, conseguia recuperar-se ainda no mesmo episódio. E Subaru acabou tendo tudo isso neste episódio, chegando num ponto irônico, em que ele esperava que pudesse ter morrido para que nada tivesse acontecido. Suas expressões no correr desses vinte e tantos minutos revelaram o quanto este pareceu perturbado e impotente de suas próprias habilidades. Alias, esse episódio mostra muito disso, sobre como o garoto age quando encontra-se encurralado, em desespero e frustrado com tudo que lhe é apresentado. Agora, é ver como avançará o desenvolvimento do personagem em conformidade com o enredo novo.

A desculpa para Felt aceitar ser uma das candidatas é bem a calhar, no nível daquelas coincidências do episódio passado e de algumas anteriores - pelo menos não foi num nível tão absurdo a ponto do velho Rom aparecer exatamente na hora em que ela negou, mas sim algumas poucas cenas depois. Acredito, entretanto, que no fundo a menina realmente desejava ser uma candidata, ao menos é o que dá-se a entender pela sua resposta final ao que ocorre. Não é como se movesse motivada unicamente a salvar Rom. Isso é bom.

A disposição dos personagens principais desta trama com todo mundo em volta de Subaru me incomodam um tanto pelo mesmo motivo citado no comentário acima; é muita conveniência para o enredo. E o fato de todos serem cavaleiros fortes e que parecem conter rivalidades e capacidades singulares me preocupa um pouco, torço do fundo do meu coração para que a disputa entre eles não seja concretizada num pequeno torneio entre cada um, torço de coração. O mundo da indústria animada japonesa já está cheia de torneios de combate. Quero ainda acreditar que este anime pode continuar me deixando surpreso positivamente.

A discussão e os motivos para Emilia querer se distanciar de Subaru são ótimos. Talvez a coisa mais lógica que encaixou-se no anime nos últimos acontecimentos. É a única que eu consigo comprar a explicação sem ficar com um pé atrás (ou o corpo inteiro atrás). Afinal de contas, como pode-se confiar em alguém que descumpre tudo o que promete e que lhe é pedido, além de também atrapalhá-la no processo, e ainda desejar manter o mesmo grau de relacionamento? Somado ao fato de que Subaru não pode contar por que ele se acha tão merecedor de tudo aquilo e sua reação de raiva e desespero no final do episódio. Eu ficaria decepcionado se o anime agisse de outra forma senão desta, mas eu também vou ficar bem triste se tudo se resolver com Subaru salvando o dia de alguma forma genérica.

No fim da contas, este episódio deu dois passos importantes no enredo: A consolidação das candidatas e de seus acompanhantes, bem como o próximo desafio de enredo do protagonista. E do outro lado, deu um passo bem essencial para o personagem Subaru ficar mais crível e palpável: A queda de seus ideais é de plena importância para o desenvolvimento dele. No mais, sem grandes surpresas ou avanços. Seguimos analisando semanalmente!

Vou indo, senhores!

Um grande abraço, e até a próxima!












**********

Comente com o Facebook:

4 comentários:

  1. Que episódio!
    Agora vimos mais sobre o verdadeiro subaru, (e o estereotipo padrão dos japoneses hikikkomoris). Teimoso, emotivo, orgulhoso e impotente. Isso é algo interessante, deve ter feito muitas pessoas se identificarem mais com o personagem do que nunca. Outra coisa muito boa foi a emilia tomando um posicionamento com relação ao subaru, essa discussão deu mais importancia para ela do que ser apenas a protagonista boa moça padrão. Ainda quero um confrontamento da emilia com o subaru e que eles falem mais sobre a bruxa e essa possivel maldição da bruxa que o subaru tem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ver o outro lado também, vi gente reclamando pois o Subaru é fraco demais como protagonista, gente reclamando que está quase largando o anime por causa desse protagonista imprestável e imprevisível. Apesar de tudo isso concordo com você o autor mostrou um lado bem feito do Subaru, agora é esperar como pra ver se as repercussões desse episódio serão bem feitas.

      Excluir
    2. sim, eu também vi muito disso. Não vou mentir, esse tipo de narrativa é bem maçante e desgastante e as vezes pode diminuir muito o conceito geral de uma obra (por exemplo, kabaneri decaiu muito pra mim por estes mesmos motivos).
      Entretanto, nós expectadores esperamos que o autor saiba usar direito o seu personagem, e que estes eventos levem a um crescimento do subaru, que levem a um upgrade na relação com a emilia e que a história fique interessante. É uma questão de como as coisas vão se desenvolver daqui pra frente.

      Excluir
    3. Olá, amigos! Tudo bem? Antes de mais nada, um muito obrigado pelos comentários! É sempre bem legal ver mais opiniões sobre o mesmo assunto.

      Sobre a fraqueza de Subaru como protagonista, eu entendo perfeitamente! E até tenho uma teoria para isso: A primeira coisa importante a tratar sobre o quanto Subaru é empático ou não, é porque ele está num mundo de fantasia medieval e não tem particularmente nenhum poder muito agressivo, coisa que protagonistas no exato mesmo cenário com o exato mesmo clima costumam possuir. O poder de voltar no tempo quando morre é algo bem poderoso, mas ele é muito condicional. E talvez não seja com isso que muita gente esteja acostumado quando vai ver um anime baseado em light novel. Além disso, o fato dele já ter uma personalidade metida, orgulhosa e muito foward logo de início é cansativo quando não tempos as explicações para tal, de maneira que agora que vimos um pouco de sua construção emocional para personagens, a gente finalmente sente que algo está sendo construído.

      Sobre a Emilia, eu também concordo plenamente. Ela tem agora a sua própria chance de crescer em emocional e também como protagonista feminina da série, uma vez que ela está sempre num papel atrás e sempre dando suporte pro Subaru. Colocar ela do outro lado do papel é de muita valia.

      Excluir

Copyright © 2016 Animecote , Todos os direitos reservados.
Design por INS